Unidade iniciou os atendimentos nesta segunda (17)

 

No último sábado (15), o Hospital Mestre Vitalino (HMV), localizado em Caruaru, ganhou um Centro de Oncologia que funcionará com atendimentos ambulatoriais e quimioterapia para pacientes de53 municípios do Agreste Pernambucano. O governador Paulo Câmara chegou ao HMV por volta das 11h, acompanhado de sua comitiva para conhecer e inaugurar o novo espaço. 

 

Após percorrer todo o prédio apresentando as instalações, o Dr. Gil Brasileiro, presidente da Organização Social do Tricentenário, descerrou a placa com a homenagem ao Dr. Iran Costa Júnior, secretário de Saúde do Estado e idealizador da unidade. A solenidade de inauguração contou com a presença de deputados, prefeitos, vereadores, médicos, representantes da O.S de Saúde Hospital do Tricentenário, colaboradores do HMV e demais membros da sociedade civil.

 

“Esse é um momento muito satisfatório para quem faz a saúde em Pernambuco. Queremos agradecer aos deputados que liberam verbas para ajudar a gestão da saúde de Caruaru, ao secretário de saúde Dr. Iran Costa por hoje podermos entregar um serviço de qualidade que vai melhorar e muito a saúde da população e ao governador Paulo Câmara por se empenhar e entender a necessidade de um equipamento como esse no interior do Estado”, destacou o Dr. Gil Brasileiro. 

 

A coordenadora do Centro de Oncologia, Dra. Guacyra Pires, enfatizou a importância do equipamento nesta região. “Quando nós falamos do paciente acometido por um câncer no interior de Pernambuco, estamos geralmente falando de alguém que sempre viveu na mesma comunidade, ou até mesmo na zona rural, e que de repente precisava ser encaminhado ao Recife para o tratamento, ficando longe do seu lugar e da sua família, e isso o prejudica muito. A chegada da unidade traz esperança aos pacientes desta região e a certeza de um atendimento de qualidade bem mais próximo de casa”.

 

SOBRE A UNIDADE

 

O Centro de Oncologia do Hospital Mestre Vitalino dispõe de 30 leitos, sendo 28 poltronas e duas camas e atenderá pacientes dos 53 municípios que compõem a 2aMacrorregião de Saúde. Os pacientes com diagnóstico fechado de câncer serão regulados pelas secretárias municipais para realizarem o tratamento. O investimento para a implantação do Centro foi na ordem de 1,4 milhão.

Homens inseridos nos grupos de risco devem iniciar a prevenção aos 45 anos

Para finalizar as ações do Novembro Azul, a Comissão de Humanização do Hospital Mestre Vitalino (HMV) promoveu hoje (29), às 10h, uma palestra com o urologista Dr. Thiago César, sobre a prevenção do câncer de próstata. O momento educativo foi destinado aos colaboradores da unidade que puderam compreender um pouco sobre os fatores de risco (obesidade, raça negra e histórico familiar) e receber orientações sobre os exames preventivos.

“Alguns homens ainda têm muito preconceito e receio em relação aos exames, ainda mais em cidades do interior. O que poucos sabem, é que o exame de toque dura poucos segundos. Quem tem histórico familiar de câncer de próstata deve iniciar a prevenção a partir dos 45 anos. Homens que não estão inseridos nos grupos de risco podem iniciar a partir dos 50”, explicou Dr. Thiago.

A Comissão de Humanização já está montando uma programação de atividades de conscientização do Dezembro Vermelho (mês de conscientização e combate à Aids). O HMV segue as diretrizes recomendadas pelo HumanizaSUS que visa o acolhimento dos pacientes e acompanhantes nas unidade públicas de saúde. 

O HMV promove, entre os dias 26 e 30, a 3ª Semana Interna de Prevenção de Acidentes. O tema central deste ano é “Vamos cuidar de quem cuida”. O evento, organizado pela CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), reúne dezenas de colaboradores do hospital.

Na segunda (26), houve palestra sobre a síndrome burnout que é um transtorno provocado pelo estresse excessivo e crônico decorrente da sobrecarga ou excesso de trabalho. Já nesta terça-feira (27), a palestra é voltada para alimentação saudável e lanches rápidos durante a jornada de trabalho. No período noturno, haverá discussões a respeito da ergonomia, área que estuda as interações entre os seres humanos, e saúde do trabalhador com a ginástica elaboral.

De acordo com Dalma Maciel, presidente da CIPA, a Comissão tem eventos mensais com temáticas diferentes. No mês de dezembro, serão trabalhadas questões relacionadas ao HIV.  

Os membros foram escolhidos democraticamente por eleição realizada em julho no HMV

 

Os novos membros da Comissão de Ética de Enfermagem do Hospital Mestre Vitalino (HMV) foram empossados ontem (28). A solenidade aconteceu na sede da unidade e contou com a presença de Lucimauro Dantas e Morgana Leal, representantes do Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco - Coren/PE.

A Comissão de Ética é um órgão representativo que tem como objetivo executar funções educativas e orientativas, assessorar, emitir pareceres e compilações de fatos relacionados ao exercício profissional e ético dos profissionais de Enfermagem.  No HMV ela é composta por três membros: as enfermeiras Amanda Aguiar (presidente) e Priscila Lira; e o técnico de enfermagem, Ítalo Rocemberg. Os membros empossados foram escolhidos por votação realizada no mês de julho e terão mandato de três anos.

O momento contou com a presença do diretor geral do HMV, Marcelo Cavalcanti; o diretor médico, Dr. Marco Túlio; a coordenadora de enfermagem, Renilde Melo; e funcionários da equipe de enfermagem.

As equipes estão trabalhando com as temáticas do Novembro Azul e Dourado

Na manhã desta quarta (22), o Hospital Mestre Vitalino (HMV) realizou uma palestra para os colaboradores sobre o câncer infantojuvenil ministrada pelo Dr. Augusto Dal Chiavon. Atualmente, o câncer é a 8a causa de morte nas crianças e a 2a causa nos adolescentes, de acordo com as informações do Instituto Nacional do Câncer.

Na oportunidade, o médico destacou que as neoplasias em crianças são mais agressivas, mais rápidas, tem predominância maior no sexo masculino, mas também tem uma maior possibilidade de cura. “Hoje no Brasil 26% dos casos de câncer infantojuvenil são leucemias, 14% são linfomas e 13% são no Sistema Nervoso Central. No nosso país as chances de sobrevida são de 64%, e no Nordeste esse número cai um pouco para 60%, por conta do acesso a rede de assistência”.

Durante a palestra, Dr. Augusto conscientizou as equipes presentes sobre a importância da atenção aos pacientes, e da necessidade de sempre perguntar, considerar suas informações, sensibilizar e não abandoná-los na rede de saúde. Além disso, apresentou os fatores de risco como genética, agentes ionizantes e químicos, vírus e agrotóxicos, com destaque para o último item e os agravantes à saúde.

Ontem (21), o Setor de Oncologia do HMV em parceria com o Serviço Social realizou uma manhã formativa para pacientes e acompanhantes sobre a importância da prevenção do câncer de próstata, além de apresentar orientações sobre os direitos dos pacientes oncológicos, temática muito pertinente, por ser desconhecida por boa parte dos pacientes e familiares.

No próximo dia (29) a unidade promoverá uma palestra sobre a prevenção do câncer de próstata com o urologista Dr. Thiago César, voltada para os colaboradores. O HMV segue as diretrizes recomendadas pelo HumanizaSUS que visa o acolhimento dos pacientes e acompanhantes nas unidade públicas de saúde, entendendo que acolher é reconhecer o outro e o que ele traz como legítimo, considerando sua necessidade de saúde. O acolhimento deve comparecer e sustentar a relação entre equipes/serviços e usuários/populações.

A unidade trabalha incentivando o conhecimento sobre os direitos garantidos por lei nos serviços de saúde, assegurando que eles sejam cumpridos em todas as fases do cuidado, desde a recepção até a alta. O Hospital Mestre Vitalino fica localizado na avenida Amazonas, Rod. BR-104, 175, bairro Luiz Gonzaga.

Localização

© 2017-2018 Hospital Mestre Vitalino. Todos os direitos reservados